Skip Navigation Links
Início
Contactos
Associação Nacional de Topógrafos realizou seminário sobre cadastro predial
Em Cantanhede
Associação Nacional de Topógrafos realizou seminário sobre cadastro predial
“Conhecer e Gerir o Território pela Mão da Topografia” foi o tema do II Seminário sobre “Cadastro Predial” que decorreu no auditório da Biblioteca Municipal de Cantanhede em 13 de junho. Organizado pela Associação Nacional de Topógrafos, em parceria com a Universidade Aberta e o Município de Cantanhede, a iniciativa contemplou abordagem de vários painéis, alguns dedicados à apresentação de projetos realizados neste âmbito, outros propondo pistas de reflexão sobre questões específicas, a partir da análise de estudos e trabalhos de campo, no âmbito da Formação Complementar de Cadastro Predial ministrada pela Universidade Aberta.

Na mesa de honra esteve Pedro Cardoso, vice-presidente da Câmara Municipal, José Ferraz, presidente da Associação Nacional de Topógrafos, José Sales, Pró-reitor da Universidade Aberta, e Cristina Jesus, Deputada do Partido Socialista.

Na abertura, Pedro Cardoso enfatizou “a importância da topografia e os pressupostos desta área, que são imprescindíveis para este desígnio nacional do ordenamento, gestão e planeamento do território”. Segundo o autarca “Portugal é um dos poucos países da Europa que ainda não dispõe de um registo cadastral que cubra a totalidade do território nacional, algo que compromete os direitos e garantias dos cidadãos”.

O autarca sublinhou ainda que o Município de Cantanhede tem vindo a apostar no reforço de condições organizacionais facilitadoras da implementação de políticas adequadas nesse campo, “nomeadamente no ordenamento do território”, salientando ainda “a importância das Associações Profissionais e do seu papel na dinamização deste género de iniciativas, para além da defesa dos interesses dos seus representados e na promoção dos deveres profissionais, deontológicos e éticos relacionados com a profissão”, concluiu.

Por seu lado, a deputada do Partido Socialista, Cistina de Jesus, realçou a importância da formação e deste seminário em concreto, e fez presente as políticas nacionais neste âmbito, nomeadamente a experiência piloto em sete municípios.

Após o seminário e já com a presença de Fátima Ramos, Deputada do Partido Social Democrata, o programa contemplou ainda a entrega dos certificados de frequência da Formação Complementar de Cadastro Predial ministrada pela Universidade Aberta.

Sobre o CLA de Cantanhede da Universidade Aberta (UAb)
Desde julho de 2010 que a Universidade Aberta (UAb) tem a funcionar em Cantanhede o Centro Local de Aprendizagem (CLA) disponibilizando cursos de licenciatura, mestrado e doutoramento, bem como de programas de formação ao longo da vida e a realização de workshops, seminários e conferências em estreita colaboração com entidades locais.

O CLA foi criado nos termos do protocolo celebrado com a Câmara Municipal, no âmbito do qual a autarquia cede as instalações, os equipamentos e dos meios de manutenção, competindo à instituição de ensino superior assegurar as atividades previstas através de um coordenador local, que tem como funções executar as ações académicas, promover parcerias de âmbito local e regional e identificar públicos-alvo, entre outras.

Abrangendo ainda os concelhos de Águeda, Anadia, Figueira da Foz, Mealhada, Mira, Montemor-O-Velho, Mortágua, Oliveira do Bairro, Penacova, Soure e Vagos, o Centro Local de Aprendizagem de Cantanhede integra o centro de documentação/biblioteca central da Universidade Aberta, de modo a permitir o acesso a um serviço de livraria on-line para os apoiar. Dispõe ainda uma sala de exames com capacidade para 30 lugares, uma sala de informática e um espaço para eventos.
 

fonte: GIRP   16 julho 2019

Enviar por email Bookmark and Share

Município

Concelho

Turismo

Notícias
 
Agenda
 
Entidades
 
Documentação
 
Contactos
 

Serviços Online