Skip Navigation Links
Início
Contactos
Início > Notícias  
Segurança de peões na EN-234 reforçada na travessia de Murtede
Obra ascende a 150 mil euros
Segurança de peões na EN-234 reforçada na travessia de Murtede
A requalificação urbanística ao longo da EN-234, na travessia de Murtede, está em fase de execução. Adjudicada pela Câmara Municipal de Cantanhede por 152.612 euros, a empreitada destina-se a reforçar as condições de segurança de circulação dos peões numa estrada que regista diariamente um tráfego de automóveis e camiões particularmente intenso, em virtude de ser o principal acesso do concelho à A1 e a importantes zonas industriais.

Os trabalhos em curso incidem essencialmente nos dois extremos da localidade, para dar continuidade às faixas pedonais já existentes, e contemplam a construção de passeios paralelos à via, a instalação de um sistema drenagem de águas pluviais e a construção de muros e muretes onde tal se afigura necessário. Do lado poente (Cantanhede), está em conclusão a beneficiação da zona entre o início de Murtede, ao Km 23, e o cruzamento da Rua da Estação, enquanto do lado nascente (Mealhada) serão sujeitos a obras vários troços entre o Km 24,3 e a Rua da Costa. Quando a empreitada estiver concluída passam a existir circuitos pedestres ao longo dos quase 2 Kms que constituem a travessia de Murtede na EN-234, o que é considerado muito importante, porquanto se trata de uma via que se estende ao longo do aglomerado populacional, além de ser aí que se desenvolve parte significativa da atividade socioeconómica da freguesia.

O investimento teve como objetivo reabilitar urbanisticamente um importante troço viário entre os extremos do aglomerado habitacional, proporcionando condições de segurança aos peões com zonas pedonais protegidas e de largura adequada, mesmo para pessoas com mobilidade reduzida, bem como melhorar a acessibilidade a algumas áreas de serviços, como a Escola Básica, a Igreja Paroquial e vários estabelecimentos de restauração.

Em algumas zonas mais amplas, a intervenção passa pela redefinição do perfil transversal da estrada e, sempre que possível, pela criação de bolsas de estacionamento. A drenagem de águas pluviais é assegurada através do sistema instalado para o efeito e que está dimensionado para dar vazão aos caudais previstos em situações de forte intensidade pluviométrica, estando previsto o desassoreamento parcial das linhas de água que lhe dão escoamento.
 

fonte: GIRP   16 janeiro 2020

Enviar por email Bookmark and Share

Município

Concelho

Turismo

Notícias
 
Agenda
 
Entidades
 
Documentação
 
Contactos
 

Serviços Online