Skip Navigation Links
Início
Contactos
Capelas 
Capela da Varziela 
(Monumento Nacional)


Seguindo para a Varziela, povoação situada a Norte de Cantanhede, chegamos à Capela da Nossa Senhora da Misericórdia ou Capela da Varziela. Foi mandada construir por um membro da família dos Meneses, D. Jorge, 6.º Senhor de Cantanhede, por volta de 1530, para lhe servir de sepultura. 

Apesar de ser uma construção modesta, contém rica decoração com portas e arcos lavrados. Foi decretado Monumento Nacional a 16 de junho de 1910, em virtude do seu grande valor patrimonial, decorrente sobretudo do precioso retábulo na capela-mor. Esculpido em pedra de Ançã por João de Ruão o alto-relevo é considerado como o mais belo do centro do país e avaliado como uma encantadora obra de pura renascença. A campa rasa do fundador, que se encontra no solo da capela-mor, apresenta a seguinte inscrição:

AQVI IAZ DOM JORGE DE MENESES 
SENOR DA VILLA DE CANTANHEDE 
FALECEO EM SVA VILLA DE TANQVOS 
O PRIMEIRO DIA DE MARÇO DE 1532




Localização
Rua Dr. Santos Silva 
Varziela 
Cantanhede 

Localização GPS
40.368720 -8.623371

Horário de Funcionamento
De Terça a Domingo
Das 10h00 às 12h30 e das 13h00 às 18h00

Telefone
231420798 
Capela de Lemede
Ainda nos arredores de cantanhede, encontra-se o lugar de Lemede, onde, para além de uma série de casas do sec. XIX, bem como de um cruzeiro quinhentista, se destaca a capela de S. Jorge.

No interior destaca-se o retábulo da capela-mor, obra da renascença, em calcário da região, posteriormente policromado. 
A cena que apresenta é de uma encantadora ingenuidade, vendo-se S. Jorge (armado de cavaleiro do fim da Idade Média) com o dragão vencido e a princesa liberta. Tudo isto se passa fora dos muros da cidade, do alto dos quais uma multidão espreita os acontecimentos.

Os retábulos colaterais são também renascentistas, mas de tipo popular, incluindo imaginária de vulto de regular nível. 


Localização
Lemede

Localização GPS
40.320152 -8.622829
Capela de S. Mateus
Dedicado a são Mateus, permanece desconhecida a data da fundação desta pequena capela, embora se saiba ser bastante antiga. O templo apresenta um modesto exterior, com três botaréus na parede norte e dois na parede sul, alpendre na porta principal, duas portas laterais que conduzem à nave e uma outra que conduz à casa de oferendas e sacristia.

Em 1875, a capela sofreu uma profunda remodelação, à qual se seguiram outras de menores dimensões nos anos de 1890 (ampliação da sacristia), 1900 (ampliação da capela) e 1902 (construção do coro).

O interior da capela resguarda um retábulo barroco em talha dourada, certamente da época de D. Pedro II, constituído por quatro colunas salomónicas e altos relevos alusivos ao patrono do templo. 

O orago S. Mateus está representado ao centro por uma imagem em madeira, realizada em 1942 por Guilherme Ferreira Tedim. 


Localização
Largo de São Mateus 
Cantanhede

Localização GPS
40.347574 -8.589141
Capela de S. João Batista 
Capela provavelmente fundada durante o século XVI, por iniciativa de algum fidalgo da família dos Meneses.

O exterior da capela é modesto. O interior, de uma só nave, tem a capela-mor separada da nave por um arco cruzeiro com o brasão dos Condes de Cantanhede, e apresenta uma cúpula abobadada com oito nervuras.

O retábulo maneirista, lavrado em pedra de Ançã, data de 1648 e é composto por três nichos abobadados em forma de concha, sendo o central o mais alto. Sobre os nichos ergue-se um frontão com a representação de Deus-Pai, com os braços abertos.

Na base do retábulo repousa o altar de pedra assente sobre uma coluna lisa. A estatuária é de pedra e pertence a épocas diversas: imagem de S. Tiago (século XV); S. João Batista (século XVI-XVII); S. Tomé (século XVII) e Stª Eufêmia.


Localização
Largo de São João 
Cantanhede

Localização GPS
40.351650 -8.591512
Capela do Senhor da Fonte 
Junto à ribeira de Ançã, ergue-se a capela do Senhor da Fonte, obra de pequenas proporções, datada de 1674, com planta quadrangular e cobertura igual à do alpendre da Fonte. 

A capela do Senhor da Fonte, o Alpendre da Fonte e o Cruzeiro de Senhor Santo Cristo apresentam afinidades arquitetónicas com os arcos do palácio do Marquês de Cascais, pelo que se deduz que esta capela terá sido construída, provavelmente, por iniciativa do Marquês de Cascais. 

No exterior, são de destacar os significativos trabalhos de cantaria. Tem anexa uma minúscula sacristia, em corpo adoçado à Capela. 

Interiormente, as paredes laterais são pintadas a fresco das quais existem ainda vestígios. Possui um altar e entre colunas de fustes estriados e capitéis coríntios, destaca-se um Cristo Crucificado e uma pequena imagem da Virgem, representando um Calvário antigo de pedra policromada.

Nota: Capela não visitável


Localização
Rua Dr. Jaime Cortesão
Ançã

Localização GPS
40.272701 -8.525009

Capela de S. Bento 
A mais bela de todas as capelas de Ançã, é datada de 1599. Ali se realizam as maiores romarias da Vila: S. Bento (3ª feira de Pàscoa) e S. Tomé (25 de Julho).
Ergue-se no cimo de um outeiro, do lado oposto à Várzea, denominado Peixeira, por onde corre a Ribeira de Ançã. Do cimo do outeiro desfruta-se de uma bela paisagem sobre Ançã. 

É uma arquitetura religiosa maneirista. 

A Capela de S. Bento é uma capela votiva, com vasto portal abrigando a sua entrada principal e é inteiramente abobadada em caixotões de cantaria, tanto na nave, como na abside e na sacristia. A Sacristia, adjacente ao edifício, possui cravado na parede, um Calvário de pedra, com data de 1620.
De realçar o retábulo-mor, em pedra policromada, e o raro abobadamento de pedra de todo o templo.
Destacam-se nos nichos centrais, duas imagens de S. Bento. Lateralmente a estas, encontram-se duas imagens de pedra, uma de S. Tiago e Santa Ecolástica. 

Nota: Capela visitável apenas aquando da realização dos Festejos em Honra de S. Bento.


Localização
Bairro de S. Bento
Ançã

Localização GPS
40.269088 -8.523277
Capela de Santo Amaro
Localiza-se no lugar da Quintã, Freguesia de Cadima, outrora (século XVI) pertencente ao Mosteiro de Santa Cruz de Coimbra. 

O templete quinhentista apresenta uma conceção arquitetónica simples, com um pórtico de volta perfeita, sobre o qual se rasga um óculo quadrilobado, de época posterior. 

Destaca-se no seu interior um retábulo em pedra de Ançã com três nichos, que albergam as imagens de Santo Amaro, Santo António e a Virgem com o Menino, todas do século XVI.

Uma lápide colocada junto à porta principal do templo, gravada em 1543, atestando a época de fundação e padroado, indicando que os crúzios de Coimbra haviam instituído a capela ainda na primeira metade do século XVI.


Localização
Quintã 
Cadima

Localização GPS
40.320925 -8.651175
Capela de S. Tomé
Capela de pequenas dimensões dedicada a S. Tomé e construída por volta do século XVI.

A capela possui uma nave e um altar-mor. No seu interior, modesto, sobressai o retábulo policromado em pedra de Ançã, do século XVII. 

O seu retábulo é todo em pedra Ançã, de estilo maneirista, com cinco nichos separados por colunas e pilastras caneladas com capitéis coríntios. 

No nicho do meio está a Imagem de s. Tomé e nos outros nichos as imagens de S. João Baptista, S. Tiago, Rainha Santa e uma imagem da virgem com o Menino, identificada por Viriato de Sá Fragoso como sendo Nossa Senhora dos Remédios, todas em pedra e do século XVII.


Localização
Largo de S. Tomé
Pocariça

Localização GPS
40.367018 -8.581708


 

Município

Concelho

Turismo

Notícias
 
Agenda
 
Entidades
 
Documentação
 
Contactos
 

Serviços Online