Município de Cantanhede ofereceu 500 livros à Cáritas Diocesana

O vice-presidente da Câmara Municipal de Cantanhede, Pedro Cardoso, esteve no Centro Comunitário de Inserção da Caritas Diocesana de Coimbra, onde procedeu à entrega de cerca de 500 livros doados pela autarquia para o espólio da futura Biblioteca Comunitária da Baixa de Coimbra. 

Enaltecendo a intervenção da “Cáritas Diocesana de Coimbra, através do seu Centro Comunitário de Inserção, pelo excelente projeto que está a desenvolver”, Pedro Cardoso sublinha “o grande alcance cultural e social desta iniciativa de criar nas suas instalações uma biblioteca totalmente aberta à comunidade”. Para o autarca, a “partilha de livros significa partilha de conhecimento e saber, pelo que a criação deste espaço educativo e de cidadania merece ser apoiado por todos quantos valorizam o reforço das condições de acesso à cultura. Além de fomentarem a literacia e o enriquecimento pessoal dos cidadãos, estes equipamentos culturais exercem uma função da maior importância ao favorecerem a integração social dos cidadãos”, refere Pedro Cardoso, acrescentando que “foi por esse motivo que a Câmara de Cantanhede teve todo o gosto em aceder ao pedido de doação de livros para a constituição do fundo bibliográfico da biblioteca comunitária da Cáritas Diocesana de Coimbra”.   

Para desenvolvimento deste projeto, a entidade promotora lançou uma campanha de recolha de livros, novos ou usados, independentemente do género literário, exceto livros escolares, tendo em vista a criação de um espaço vocacionado para a promoção da leitura junto dos utentes do Centro Comunitário de Inserção e também de toda a comunidade. Outro objetivo passa pela viabilização de processos educativos de formação de leitores, de modo a promover a cidadania, o aumento da autoestima e a integração social das pessoas na comunidade.

Futuramente, além da consulta e requisição de livros, pretende-se promover atividades de animação e divulgação cultural destinadas aos diferentes públicos e proporcionar condições para o convívio e para a realização de ações de reflexão e debate de temas variados. 

Nesse âmbito, estão previstas iniciativas como “horas do conto”, clubes de leitura, tertúlias, comemoração de efemérides. Também o Grupo de Teatro do Centro Comunitário de Inserção irá materializar o Projeto “Contadores de Histórias”, que levarão performances teatrais a espaços que as queiram receber. Os interessados em participar nesta campanha poderão depositar os seus livros nos serviços localizados na Rua Direita, n.º 101, das 9h30 às 17h30, de segunda a sexta-feira.